ALMAS ESPECIAIS

Cadastre-se e receba novidades por email

Ocorreu um erro neste gadget

DIVULGUEM - Associação Mineira de Hipertensão Pulmonar

15 março 2014

Vento!

By Clecilene Carvalho
imagem google
A vida e um sopro... Passa feito vento;
E o alento de um coração cheio de esperança
É ao menos poder voar ao lado do tempo.

Tem dias que a alegria canta e saudade espanta;
Há vezes que a lembrança vem e rola pelos olhos;
Bendito, maldito tempo que cura, mas deixa cicatrizes.

Haverá momentos em que as fotos guardadas
Serão das gavetas tiradas e arremessadas
Aguçando a lembrança e maltratando o coração.

Queria eu não lembrar o passado...
Quem anda olhando para traz tropeça...
Quando se da conta não há como levantar.

2 comentários:

  1. Oi linda, tua poesia encanta mas dói...
    Que o vento sopre em tua direção e traga-te coisas boas.

    Espero que seja só uma poesia e não realidade.

    Beijos de saudades.

    ResponderExcluir
  2. "Quem anda olhando para trás tropeça"
    Também acho, temos que viver o presente e olhar em frente.
    Magnífico poema, gostei muito. Tanto da forma como desenvolveste o poema, como do conteúdo.
    Querida Clecilene, tem um bom domingo e uma boa semana.
    Beijo.

    ResponderExcluir

Deixe aqui suas Falas da alma. Obrigada e volte sempre.

VOLTE SEMPRE

Leve-me com vc - Presente da Majoli

Loading...