ALMAS ESPECIAIS

Cadastre-se e receba novidades por email

Ocorreu um erro neste gadget

DIVULGUEM - Associação Mineira de Hipertensão Pulmonar

16 abril 2014

Afrodite!

By Clecilene Carvalho

imagem google

Inspiro todo o ar que posso para dentro dos meus pulmões;
Ainda assim sinto que não há oxigênio em mim;
Uma solidão tão grande toma conta do meu interior;
Descubro o motivo do vazio... Falta-me um amor.

O fogo do Olimpo me foi negado...
A chama que nunca se apaga não mora em mim...
Desejei um amor como o de Ísis e Osíris... Não fui atendida;
Prometeu também roubou o fogo que habitava em mim.

Desejei um olhar que ao cruzar o meu se encontrasse;
Pedi um sentimento mágico, forte, leal...
Mas Afrodite fez pouco do que pedi...
Ficou temerosa em conceder um amor assim... 

Pra sempre!

3 comentários:

  1. E foi assim que ao despertar de um longo sono, eis que surge á sua frente o príncipe encantado, saindo em meio aos raios solares, para despertar a amada da sua felicidade.
    Bela poesia amiga.
    Feliz Páscoa com renovação de esperanças.
    Meu terno abraço.
    Beijo de paz e luz.

    ResponderExcluir
  2. Minha querida amiga desejo muito uma profunda renovação
    com todas as esperanças, neste Sábado de Páscoa.
    Um beijinho
    Irene Alves

    ResponderExcluir

Deixe aqui suas Falas da alma. Obrigada e volte sempre.

VOLTE SEMPRE

Leve-me com vc - Presente da Majoli

Loading...