ALMAS ESPECIAIS

Cadastre-se e receba novidades por email

Ocorreu um erro neste gadget

DIVULGUEM - Associação Mineira de Hipertensão Pulmonar

09 dezembro 2010

PALAVRAS...

Clecilene Carvalho
imagem google

Por muito tempo meu coração calou-se
Deixei de dizer o que sentia
Escrevia palavras de amor,
Mas não as dizia.

Hoje vim gritar... Chega de silêncio!
Não farei mistério...
Meu andar será leve e delicioso,
Meu toque quente e amoroso.

Quero você do meu lado...
Amigo, amante, companheiro e
Namorado... Seremos duas almas
Sem medo da felicidade.

“Morreremos de amor e continuaremos vivos.”

16 comentários:

  1. Como é bom morrer de amor minha querida amiga.
    Ame, morra de amor, viva esse amor com toda sua força.
    Grite aos quatro ventos que amar é algo mágico.

    Eu já não posso dizer o mesmo, ando sem amar faz tempo.

    Beijos enormes no teu ♥
    E saiba que estou muito feliz ao te ter de volta.
    Amo você.

    ResponderExcluir
  2. Que bela poesia, declaração de amor, Clecilene. Um grande beijo, boa noite :)

    ResponderExcluir
  3. iso que e gritar o amor... muito lindo seu poema con muito sentimiento a flor da pele... suas letras falan por elas mesmas..lindo

    saludos
    abracos
    otima semana

    ResponderExcluir
  4. Oi, Clecilene, quantos textos lindos expressando sentimentos! Como sempre foi.

    grande beijo
    tais luso

    ResponderExcluir
  5. Mais um ano cheio de poesia
    Algumas tristezas, muitas alegrias
    Versos e prosas encantando nossas vidas
    E a certeza de que as amizades preciosas
    Elevam a alma, erguem o nosso dia a dia.

    Que o Natal seja lindo para você e os seus
    E que 2011 seja um ano de muita Paz, Saúde e Felicidade.

    Agradeço profundamente pelo companheirismo
    e pelo constante apoio e carinho para com as minhas letras.

    Feliz Natal e Um Super 2011 para você.

    Renato Baptista

    ResponderExcluir
  6. Clecilene: Sempre lindos poemas de encantar todo esse amoe descrito por palavras. Depois de duas semanas cheias de emoções e alegria, voltei com a mesma energia de sempre.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  7. Clecilene:É doce demais morrer de amores como é tão bom amar e ser amado. Lindo texto adorei. Já estou de volta.
    Beijos
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  8. No final não chegamos a morrer.

    Bom Natal

    ResponderExcluir
  9. Olá minha querida.
    Vim lhe desejar um feliz Natal com muita paz,muito amor e muita saúde.
    Que os anjos digam amém neste Ano Novo que vem se aproximando.
    Boas festa minha querida.
    Beijos perolados.
    Hei,morrendo de amor e viva!!!

    ResponderExcluir
  10. Olá amiga, passando pra desejar um feliz natal e um 2011 repleto de felicidades, paz, saúde, amor e prosperidade, com as bênçãos do Criador.

    ResponderExcluir
  11. Olá Clecilene! Passando para desejar um Feliz Natal e um Próspero Ano Novo pra ti e para os teus, e apreciar mais uma das tuas belas criações. Belo poema. Muito profundo.

    Beijos,

    Furtado.

    ResponderExcluir
  12. Acho q deixei um comentário por aqui.
    Vim te deixar um beijo minha querida.

    ResponderExcluir
  13. Grita mesmo amiga! Amar é bom demais! Adorei o poema viu, da força e energia pra quem lê. MOntão de bjs e abraços
    Elaine Barnes

    ResponderExcluir
  14. Que bom!
    Você chegou no Chá das Cinco, ele ficará muito melhor agora.
    Já sigo teu blog um tempão sabia?
    Beijos
    Gemária Sampaio

    ResponderExcluir

Deixe aqui suas Falas da alma. Obrigada e volte sempre.

VOLTE SEMPRE

Leve-me com vc - Presente da Majoli

Loading...