ALMAS ESPECIAIS

Cadastre-se e receba novidades por email

Ocorreu um erro neste gadget

DIVULGUEM - Associação Mineira de Hipertensão Pulmonar

27 junho 2010

VENTANIA


WEB PICASSA



As vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido. Fernando Pessoa.
Parafrasenado:
Ouço e sinto o vento,
Também sou ventania,
Vivo, sou vida,
sempre vale a pena ter nascido.
rsrsrsrs

16 comentários:

  1. Olá Clecilene; Lindo este post lá vem mais uma vez Fernando Pessoa, gostei menina, continua postando mesmo que não sejas tu a escrever, porque eu tambem tenhos, pelo menos tres poemas no meu blog que tambem não fui eu que escrevi.
    Um beijo
    Santa Cruz

    ResponderExcluir
  2. uns tem medo de ventanias outros quando as vêem constroem moinhos.

    ResponderExcluir
  3. "Galante conquistador, dispersando o pólen das flores, o vento faz uma boda universal ."

    beijo.

    ResponderExcluir
  4. Oi linda amiga, saudades.

    Adorei ambos, o pensamento de Fernando Pessoa e o seu Parafrasenado...também me sinto vento muitas vezes minha querida, e é através dele que mando meus beijos pelo ar, pra chegar aí dentro de seu coração.

    Gosto muito de ti.

    Tenha uma semana de muita paz.
    Beijos enormes e um delicioso abraço de urso.

    ResponderExcluir
  5. Muito prazer, Dona Ventania! Tanbém sou vento, às vezes, quando passo levantando poeira e tirando coisas do lugar, só para forçar uma limpeza e uma arrumação...rs. Beijão!

    ResponderExcluir
  6. Acho que mesmo independente de ver e sentir o vento passar, vale muito a pena ter nascido.

    Beijos e ótima semana pra ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  7. Minha querida
    Que belos pensamentos...esperança.

    Beijinhos com carinho
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  8. Eu deixo aroma até nos meus espinhos,
    ao longe, o vento vai falando de mim.

    Cecília Meireles

    Amor & Paz & Poesias na sua semana!
    Beijos na alma.....M@ria

    ResponderExcluir
  9. Querida amiga Clecilene, sempre vale a pena nascer, pois a vida é um presente. Haja visto a sua borboletinha que é um doce...sou seguidora do blog dela, ela é um encanto...isso é vida...Tenha uma linda semana..Beijocas

    ResponderExcluir
  10. Muito bom os dois. Dose dupla de sensibilidade.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Boa noite Clecilene,
    vale sempre a pena ter nascido, bonito pensamento!

    Beijinhos,
    Ana Martins
    Ave Sem Asas

    ResponderExcluir
  12. "Ame as suas visões e os seus sonhos como se eles fossem as crianças da sua alma, os planos de suas maiores realizações."

    (Napoleon Hill)


    Sonhos & Flores ____Abraços mil! M@ria

    ResponderExcluir
  13. Uma beleza mesmo e o seu parafrasear foi perfeito.O vento nasce em algum lugar e vai pra outro deixando marcada sua presença. Adorei! Montão de bjs e abraços

    ResponderExcluir
  14. Olha, postei sua homenagem nos olhos da coruja. Recebo com muita alegria,mas, não sei fazer isso que vocês fazem tão bem. Uma alma que fala diretamente pra mim,puxa vida amiga. Obrigada e nem sabia como retribuir. Montão de bjs e abraços e um final de semana cheio de alegrias,tão imensas quanto a que me proporcionou

    ResponderExcluir
  15. Hola Cle!!!

    Permiteme que te tutee. Ya que puedo apreciar en tus obras que hay una sensibilidad muy peculiar. Gran descriptora de emociones. Por eso me llamó la atención. Me gustaría que si tienes un poco de tiempo pasaras por mi blog y me dieras alguna opinión sobre lo que llevo escrito. Porque cada día desarrollo el aprendizaje tanto a nivel humano como profesional.

    Unha aperta dende Lugo (Galicia)- España.

    ResponderExcluir
  16. Vale a pena, ninguém sabe o outro lado.

    ResponderExcluir

Deixe aqui suas Falas da alma. Obrigada e volte sempre.

VOLTE SEMPRE

Leve-me com vc - Presente da Majoli

Loading...