ALMAS ESPECIAIS

Cadastre-se e receba novidades por email

Ocorreu um erro neste gadget

DIVULGUEM - Associação Mineira de Hipertensão Pulmonar

16 abril 2010

ÂMAGO

Clecilene Carvalho
Imagem Google

Procuras na dor a força para alma,
Calas e finge não ouvir o clamor
Que grita no peito, tamanha é a dor.
Sorri de si e não entende o valor
Do corpo que chora e exala calor;
Fugaz e soberbo não admite sentir.
Têm ouvidos que não captam o som
Fechados... não ouvem o grito,
Ignora e não perceber o apelo.
Sofre, suplica, chama e ama,
Sente, fala, cala, vê, tateia e
Percebe na escuridão sombria...
Que o coração cansado silencia,
Desiste de gritar a dor e quer luz
E no alto, sem medo, ecoa o desejo.
Quer um novo recomeço!

24 comentários:

  1. "Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode recomeçar agora e fazer um novo fim."
    Chico Xavier

    ResponderExcluir
  2. Fiquei arrepiada ao ler "Âmago" minha querida amiga.

    Como ando precisando de um novo recomeço.

    Linda, linda poesia.

    Beijos com carinho imenso no teu ♥ e um final de semana de muita paz.

    Beijos na linda borboletinha.

    ResponderExcluir
  3. Nossa que sintonia, acabei de fazer um comentário em seu blog e simultaneamente recebo sua visita.
    Beijos Majoli.

    ResponderExcluir
  4. Minha querida amiga
    como o seu poema falou de mim...muito belo.

    Que o coração cansado silencia,
    Desiste de gritar a dor e quer luz
    E no alto, sem medo, ecoa o desejo.
    Quer um novo recomeço!

    É mesmo isso.

    beijinhos
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  5. Boa noite Clecilene,
    nunca é tarde para recomeçar, principalmente se esse recomeço traz uma nova luz.

    Beijinhos,
    Ana Martins

    ResponderExcluir
  6. Boa noite, querida poetisa:
    Bela poesia, parabéns!!
    Beijos no seu coração, Clecilene, bom final de semana! :)

    ResponderExcluir
  7. VENHO RETRIBUIR CARINHOSAMENTE O SEU CARINHO. DIZER QUE MINHA AUSENCA É EM FUNÇÃO DO MEU TRABALHO..ESTOU TRABALHANDO NOS TRÊS PERÍODOS.
    SEM TEMPO DE BLOGAR. SOMENTE NOS FINAIS DE SEMANA, SE POSSIVEL.

    PEGUE O SEU SELO OURO NO BLOG
    http://sandraandrade7.blogspot.com/
    ELE FICARÁ LÁ TE ESPERANDO.
    CARINHOSAMENTE
    SANDRA

    SE FOR POSSÍVEL VISITE O BLOG INTERAÇÃO DE AMIGOS.BOM FINAL DE SEMANA.
    ATÉ MAIS

    ResponderExcluir
  8. Quantas vezes sonhamos com um novo recomeço,
    é no silêncio frio e escuro que forjamos um novo dia repleto de sol, será utopia sonhar?

    bjs

    ResponderExcluir
  9. Passando para te desejar um ótimo final de semana e diaer que amei o poema. Muito profundo.

    Beijos pra ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  10. Como vc escreve bem minha amiga! E isso é porque vc escreve com a alma. Esse grito de querer um novo recomeço foi muito forte. Eu me identifico muito com a frase que vc colocou de Chico Xavier. Porém, se vc continuar agindo como sempre agiu, vai continuar tendo o que sempre teve. Portanto, para ter um fim diferente é preciso recomeçar de uma forma diferente.
    Achei muito interessante, porque o comentário que vc fez no meu último post, vc advinhou o tema do próximo.
    Um maravilhoso domingo pra vc querida!
    Bjussss

    ResponderExcluir
  11. É, embora seja mais trabalhoso, sempre a chance do recomeço, é só o coração estar aberto a novas emoções e não ter medo de tentar de novo. Como diz o poeta, "melhor errar do que não ter tentado"...
    Ótimo fim de semana, bjs.

    ResponderExcluir
  12. Fala pra sua lindinha que eu também gosto do picapau, acho que todos nós continuamos tendo um pouco de criança rsrs...
    bj, ótimo fim de semana.

    ResponderExcluir
  13. Há pensamentos que são orações.
    Há momentos nos quais,
    seja qual for a posição do corpo,
    a alma está de joelhos.
    .
    Victor Hugo

    BOM DOMINGO......Amor & Paz!!

    ResponderExcluir
  14. Muito obrigada pelo selo, pela homenagem e pelo carinho minha querida!
    Ele já está lá no meu cantinho num lugar especial!!!
    Bjussss

    ResponderExcluir
  15. Boa tarde amada.
    Deculpe a minha ausência mas q eu ando um pouco doentinha rs.
    Bela postagem amada.Eu gostei muiiiiiiiito.
    Um beijo grande.

    ResponderExcluir
  16. Brindemos, todas as manhãs,com um tilintar de rosas.

    E cá estou eu a agradecer sua presença que tanto alegria me trás.

    Beijos perfumados prá voce nesse dia!!

    ResponderExcluir
  17. Oi amada,
    Desculpe ficar tanto tempo sem te visitar, tentei várias vezes e dava um erro que até agora não sei o que é. Mas, cá estou. Fico encantada com a tua forma de escrever, cada vez mais. Leio tua alma e nela vejo luz e vários recomeços se assim se fizerem necessários. Lindo poema. (como sempre)
    Ontem postei sobre o Dia dos Amigos, obviamente você faz párte deles.
    Bju n'alma e boa semana.

    ResponderExcluir
  18. Enquanto vivas podemos fazer sempre um novo
    recomeço mas sem esquecer o passado no
    que teve de bom e de mau. O nosso passado
    temos que o carregar sempre dentro de nós.
    Clecilene obrigada por visitar o meu blogue,
    pelas suas palavras, pela sua sempre simpatia.
    Beijinho/Irene

    ResponderExcluir
  19. Que linda tua poesia minha amiga....
    Sempre de ARRASAR!!!
    Beijo com carinho
    Bea

    ResponderExcluir
  20. Passando pra deixar beijos de uma linda noite e desejar um bom feriado pra você.

    Beijinhos doces nas bochechas da linda borvoletinha.

    Gosto muito de você minha amiga, obrigada por todo carinho que sempre deixas quando aparece lá no Rabiscos.

    Minh'alma e meu coração ficam em festa tendo ao meu lado pessoas como você, doces, sinceras e encantadoras.

    ResponderExcluir
  21. Que lindoooo, amiga! Você é puro sentimento e sensibilidade.

    Um beijão
    tais luso

    ResponderExcluir
  22. OI CLECILENE,

    e lá vem este tal de recomeço.

    É chato?

    Não recomeçar, é necessário.

    Mas, à partir de onde?

    De quê?

    Ou de quem?

    Sentí uma vibração melhor,agora. De quem.

    É isso: de quem!

    Era o que você também, pensava .

    Acertei.

    Afinal, você não ia jogar tão preciosa inspiração aqui, por ter esquecido uma receita de angú à baiana ou de ter deixado de emagrecer aqueles 2 quilos no mês passado.

    Fala sério!

    Enfim, você não teve este surto poetico, do nada.

    O que eu sempre , fico muito revoltado é que ninguém faz uma poesia destas para mim.

    É sempre para um João, ou Mario, ou Roberto ou o escambau.

    Pô, eu estou sempre fora destas inspirações.

    Nunca ninguém começou uma poesia assim:

    "Paulo Tamburrinho, vamos voar juntos..."

    Eu sou traumatizado com isso.

    Francamente,Clecilene.

    Eu tenho pensado em comprar uma poesia para mim?

    Quanto será que devería custar?

    Deve ser muito barata, pois é para mim.

    E afinal, o cara que mereceu esta que você fez e a leva a pensar em recomeçar, fatalmente não lhe dará nenhuma chance ou tempo útil, para pensar em escrever uma coisa tão linda só para mim.

    Só se ele for muito insensível, pois isto é poesia para o cara ler, pegar o celular e perguntar:

    -Clecilene, você escreveu aquilo pra mim.
    -Foi, você gostou?
    -Gostei. Quer casar comigo?
    -Heim?

    Pois é , eu faria isso.

    Seria levado e forçado a fazer isso.

    Espero que um dia, alguém se lembre que nunca ninguém escreveu uma poesia desta e tão linda pra mim.

    Enfim...

    Um abração carioca!

    ResponderExcluir
  23. Passei por aqui e vou ficar. conheça os meus. www.congulolundo.blogspot.com
    www.queriaserselvagem.blogspot.com
    Um beinho carinhoso

    ResponderExcluir
  24. Oi Amiga...

    Poema forte, que mexe com o leitor e o faz pensar. Marca registrada sua.
    Faz falta você lá na Casa da Poesia, viu?

    Abraços* e esteja com Deus.

    Renato Baptista

    ResponderExcluir

Deixe aqui suas Falas da alma. Obrigada e volte sempre.

VOLTE SEMPRE

Leve-me com vc - Presente da Majoli

Loading...