ALMAS ESPECIAIS

Cadastre-se e receba novidades por email

Ocorreu um erro neste gadget

DIVULGUEM - Associação Mineira de Hipertensão Pulmonar

31 agosto 2010

O futuro da humanidade - Fragmentos

9. Os professores são heróis. Semeiam sonhos em uma sociedade que perdeu sua capacidade de sonhar.

10. Ter inimigos fora de si é perturbador, tê-los dentro da própria mente é apavorante.

30 agosto 2010

8. Quais foram as lágrimas que você não chorou? Quais foram os dias mais tristes da sua história e quais foram seus desafios que nunca teve coragem de contar? Quais são seus sonhos e quais foram suas derrotas? Um dia a maiorias das pessoas precisará recolher seus pedaços e reescrever sua história.

27 agosto 2010

O futuro da Humanidade - Augusto Cury

7. Muitos dos que tem endereço certo passam pela existência sem nunca percorrer as avenidas do próprio ser. São forasteiros para si mesmos. Por isso, são incapazes de corrigir suas rotas e superar suas loucuras.

24 agosto 2010

O FUTURO DA HUMANIDADE

4. O orvalho da manhã são como pérolas anônimas que por instantes aparecem e logo se dissipam, mas só os sensíveis as percebem.
O número(4) que antecede o fragmento representa a ordem com que as frases aparecem no livro. As próximas postagens serão, apenas, no blog FRASES E PENSAMENTOS.


Ganhei este livro de presente, um dia depois da minha colação de grau, da Andréia Reis, minha vizinha. Já havia lido outros livros de Augusto Cury e gostei muito. Com este não foi diferente...

Primeiro romance de Augusto Cury. O livro, O FUTURO DA HUMANIDADE, oferece uma rara oportunidade de repensar a sociedade e o rumo de nossas vidas.
Falcão, um dos personagens centrais deste romance, demonstra que a mente humana abriga um universo ainda maior e mais complexo que aquele que se restringe ao mundo físico. Falcão é um filósofo inteligentíssimo que desenvolve uma grave psicose e vai viver nas ruas como mendigo. Ao se reorganizar, se torna irreverente e passa a cantar e fazer discursos em lugares impróprios, conversar com as flores e abraçar arvores. É um ser humano livre, faz o que ama e sabe que há riquezas simples, porém insubstituíveis, mais valiosas que montanhas de ouro. Não tem nada, mas tem muito, ao contrário dos que têm muito, mas, no fundo, têm tão pouco.
No livro Marco Polo, um estudante de Medicina, indignado com o descaso dos colegas diante de corpos nus na bancada de mármore, começa a se indagar: quem são aquelas pessoas? Que lágrimas choraram? Que aventuras viveram? Qual a historia de cada uma delas? Ajudado por Falcão, encontra personagens incríveis.
Um mendigo e um médico, um psicótico e um psiquiatra, unidos em busca de um mundo melhor, desafiam as convenções sociais e revelam que, se é impossível consertar o passado, podemos pelo menos construir o futuro se formos atores do presente, se formos vendedores de sonhos. Somos parte do problema e da solução. Seremos vitimas do futuro ou protagonistas de nossas histórias. O futuro da humanidade já começou.

23 agosto 2010

O FUTURO DA HUMANIDADE


PS: amanhã começarei a postar, no meu blog - FRASES E PENSAMENTO, uma série de fragmentos do livro: O FUTURO DA HUMANIDADE - Augusto Cury. Aguardem... vale a pena. Será um por dia e no final um post com todos. Beijos.

18 agosto 2010

POEMA COLETIVO

Imagem google


Sou música e melodia que embala a noite fria;
Sou mar aberto e tenho ondas...
Sou gente, grande, que chora
Sou criança que brinca e canta...

Sou luz e escuridão
Sou brisa, sou vento.
Emoção, sentimento, fé e razão.
Com sangue, com alma. No tum tum do coração!!!

Sou a solidão da madrugada
Sou o sol do amanhecer
Sou a chuva que banha a tristeza...
Quero ser a alegria do entardecer

Sou poema sem rima
Verso sem prosa
Sou pedra polida
Sou alguém que ama a vida.

Enfim... Sou apenas um simples ser vivente,
Que com as letras vive em harmonia.
Tento ser poeta/poetisa e assim
Encontrar o fino da poesia.

Tinha que acrescentar... Olha que presente lindo ganhei da Majoli... Lindo demais!!!!!

Poema coletivo escrito por:

Clecilene Carvalho - Falas da Alma
Elaine Barnes - Nas Asas da Coruja
Majoli -
Rabiscos da Alma
Rosemildo Sales Furtado - Arte & Emoções
Suziley - A Arte das Letras
Wanderley Elian Lima -
Novas Estações

Gente!!!!!!! Muito obrigada à todos os amigos da blogosfera... Hoje faz um ano que comecei a navegar neste mundo mágico. Conheci pessoas maravilhosas que carrego do lado esquerdo do peito. Aprendi muito e tenho muito a agradecer... BEIJOSSSSSSSSSSSSS


10 agosto 2010

ABRINDO GAVETAS...


Clecilene Carvalho

Imagem google

Deixo o som das palavras do meu coração
Dizerem o que a minha boca não diz,
Sou muito mais do vem os teus olhos;
Sou fênix...
Sou chuva que varre as clareiras...
Que faz crescer as sementes e florescer;
Sou música e melodia que embala a noite fria;
Sou mar aberto e tenho ondas...
Sou gente, grande, que chora
Sou criança que brinca e canta...
Então... quem é você?

Em breve: poema coletivo

Dia 18/08 meu blog faz niver - 01 aninho.

02 agosto 2010

13/08 o grande dia - Colação de grau


Tornar-se Enfermeiro (Wanda Aguiar Horta)

Ser enfermeiro
É se engajar
na realidade da vida.
É um sofrer e amar
consciente e decidido.

É se aceitar
Com autenticidade
Em uso constante
E responsável
De sua liberdade

É compartilhar,
Com seus pacientes,
As esperanças, o amor,
A vida, as alegrias,
A saúde e o nascimento;
As decepções,
A solidão e o sofrimento,
A angústia e a dor,
A morte, as tristezas
E as frustrações.

É dar de si mesmo
E com isso crescer;
É assumir um compromisso
E com ele amadurecer
.

VOLTE SEMPRE

Leve-me com vc - Presente da Majoli

Loading...