ALMAS ESPECIAIS

Cadastre-se e receba novidades por email

Ocorreu um erro neste gadget

DIVULGUEM - Associação Mineira de Hipertensão Pulmonar

26 fevereiro 2010

QUEDA DE BRAÇOS

Clecilene Carvalho
imagem google
Passamos a vida procurando nos realizar,
Trabalhamos, lutamos, sonhamos,
Perdemos-nos e encontramo-nos,
Tem aqueles que nunca se encontram.

Alguns brigam por tudo e outros por nada,
Alguns nunca dão o braço a torcer,
Outros vivem em queda de braço,
Há, também, os que dão o braço.

Uns estendem as mão e outros as escondem,
Tem os que dão o que tem e outros
Que não sabem dividir nem consigo mesmo,
E deixam no armário tudo o que poderia lhe ser bom.

Há quem diga que mudar de idéia é fraqueza,
E passam a vida arrependendo-se por não
Ter mudado o conceito e aproveitado como gostaria,
Estes vivem presos em seus armários internos.

Tem os sem razão que ganham no grito,
Tem os com razão que não perdem, apenas
Preferem, às vezes, manter a paz, mas
Mesmo assim são vistos como perturbadores.

Uns falam muito e nada dizem,
Outros que ao silenciarem dizem tudo,
Tem gente que lê sem símbolos,
Tem gente que não entende nem quando tem.

Uns vieram de passagem e outros
Simplesmente nem sabem a que veio,
Alguns para serem diferentes e para fazer diferença,
Tem a gente boa de verdade e os que fazem tudo para serem.

Tem gente que nem parece gente e bicho que sem ser parece.

24 fevereiro 2010

REFLEXOS

Clecilene Carvalho
imagem vilamulher.terra.com
Olhei pela janela e gostei
Vi alguém me olhando docemente
Sem cobranças e sem conflitos
Sorrindo de mim ou para mim.

Viajei nos sentidos aguçados
Visualizei o tempo
Senti o gosto e o cheiro
Ouvi um som cálido.

A voz exterior quente e fugaz
Chamava-me no canto
Dei atenção e respondi...
Ela parecia imitar-me.

De repente o estrondo
Tomou toda rua, invadindo,
E o barulho fez silêncio
O olhar doce dissipou-se.

Surpresa foi quando um (des) conhecido
Sem pedir nada em troca juntou
Todos os pedaços e calmamente
Remontou o raro espelho.

19 fevereiro 2010

Devaneios?

Clecilene Carvalho imagem google
Fugir... Não mais! Vou
Pousar no chão duro ou macio
Repousar? Talvez, mas sem dor
Encontrarei o equilíbrio do amor.

Vou tocar a felicidade
Com uma leveza sem igual
Naturalmente e bem humana
Respeitando o medo que ela causa.

Vou sorrir copiosamente
Do jeito que não se entende
Nem se deixa entender
Vou varrer toda dor.

Sou forte, tenho coragem
Sou mulher guerreira em busca de paz
Não fico parada esperando
Busco o que quero e tenho.

16 fevereiro 2010

Presente especial


”Com o Prêmio Dardos se reconhece os valores de cada blogueiro, que mostra a cada dia seu empenho em transmitir valores culturais, éticos, pessoais, .... Que demonstram sua criatividade através do pensamento vivo que está entre suas artes, suas letras, suas palavras ...

Todos sabemos que a Majoli é realmente um amor, pois é, por isso que fico muito feliz quando recebo um presente dela. Tenho conhecido pessoas maravilhosas e uma delas é você Majoli, obrigada pela lembrança.

Engraçado... gosto muito de escrever, mas toda vez que tenho que falar o que estou sentindo, acho que faltam palavras.

Ganhei este selo do blog Rabiscos da Alma e quero compartilhar com todos...

Sei que tem regras, mas vou fingir que não vi para quantos blogs tenho que oferecer.

PS: A lista NÃO está em ordem de preferência!

Bem, tem duas regras a seguir:

1.Aceitar e publicar o prêmio, juntamente com o nome e o link de quem te indicou.
2.Oferecer o prêmio para 15 blogs e comunicar os da indicação.

Dedico então para:

Silenciosamente Ouvindo - Blog A magia da Vida

Ricardo Calmon - Blog Viver é Pura Magia

Tati - Blog Radical

Renato Babtista - Acadêmia da poesia

Rosemildo - Blog Arte & Emoções

Manuel Marques - Blog Constância (Vila Poema)

Lianara Kerkhoff - Blog Reticências

Maria Bózoli - Blog Amor Feito Poesia

Mauro Rocha

Maria Bonfá - Blog Um Mar de Sonhos

Wanderlei Elian

Majoli - Blog Rabiscos da Alma

José Carlos - Blog A Casa do José Carlos

Ana Martins - Blog Ave Sem Asas

Sonhadora - Blog Rosasolidão

Lidia Ferreira - Blog Cor de Rosa choque

Carlos Albuquerque - Blog Conversas Daqui e Dali

José - Blog Relfexões e outras Divagações

Sandra - Blog Curiosa

Geisa Machado - Blog A força e a Beleza de Ser Mulher

Tais Luso - Blog Das Artes

Elaine Barnes - Blog Nas Asas da Coruja

15 fevereiro 2010

Maria José de Carvalho

Vamos comemorar!!!!!! imagem google
Mulher forte e batalhadora
Assim não vi igual, a
Receita do seu sucesso é o trabalho,
Insigths apurados...
Amiga, grande coração, bela companhia.

Jóia rara... Existem poucas Marias assim
O seu sorriso é do tipo que ilumina
Seus olhos brilhantes cheio de vida
És realmente Maria.

Desejo a você toda felicidade, e
Enquanto escrevo ouço música.

Carrego você no coração,
Alço voo e diminuo a distancia,
Ressoam os sinos e comemoro
Viajando, tentando fazer poema
A minha alma lembra-me... Você é poema,
Lua nova que rejuvenesce, aceite a
Homenagem, que faço!
Obrigada por fazer parte da minha vida.



Bom dia Maria! Vim desejar Feliz Aniversário e trazer flores para você. Trouxe um buque com onze girassóis, pois acho que combinam com você.
Acredita-se que o girassol é a flor simbolo do novo milenio que significa fama, sucesso, sorte, felicidade, fertilidade.

Acredito que toda mulher tem um pouco de Maria... Acho que isto explica de onde vem tanta força, pois você é duas vezes Maria.
A Isabella pergunta se vai ter bolo e se podemos ir cantar parabéns! Rssssssss Ela acha que você mora logo ali, explico que é preciso ir de avião e ela diz “ tudo bem, vamos”!
Beijos no coração, amamos você.

11 fevereiro 2010

O poder da melodia

Clecilene Carvalho
imagens google

Enxergo de olhos fechados
Ouvindo o som que me aplaca
Que tira de mim as amarras
Fazendo meus pés levitar.

Sinto o prazer da dança
Entro no ritmo da música
Sinto que meu corpo tem asas
E estou a voar, entregue, sem relutar.

O toque suave em mim borbulha
Tocando em minha face devagar,
Macio, doce e tirando o ar
E provocando arrepios.

Subo até as nuvens e ouço
Um sussurrar...
Dizendo que preciso voltar,
Abrir os olhos e pousar.

Com os pés no chão estou e
A realidade grita meu nome, finjo
Não escutar, mas não dá... Aceito o
Chamado e deixo, por hora, de sonhar.

06 fevereiro 2010

Amor a primeira vista

Clecilene Carvalho
imagem google
Olhos fixos, um no outro
Pupilas dilatadas, enormes
O fogo queimando a pele.

O corpo arrepiado, parado
Vibra com o som da voz
A música suave toma conta.

O sorriso aberto, disparado
Os lábios trêmulos sussurram
As palavras lhes faltam.

O mordiscar dos lábios entrega
O desejo espalhado no ar
Parece que tudo gira sem parar.

O coração acelera, dispara
Os movimentos não obedecem
A face rubra se abaixa.

Tudo é tão maravilhoso, mágico
Uma mistura de medo e alegria
Uma vontade enorme de viver.

O cheiro, agradável, exalado
Parece dominá-los, não há o que fazer,
Estão apaixonados.

02 fevereiro 2010

Sede

Clecilene Carvalho

imagem Google
Meus olhos sentem a falta dos teus
Olhando os meus, assim... íntimos
A me despir sem pedir permissão
E logo, então, se apossa de mim.

Seu cheiro espalhado no ar
Fica pairando a me perturbar
Lembrando-me a todo o momento
Daquele seu jeito de me olhar.

A respiração ofegante e triunfante
Quando teus lábios tocam os meus;
No peito o tamborilar dos corações
Fazem música e embala o nosso amar.

Agora a boca seca, sedenta de você
Perturba meus sentidos relembrando
E sentindo saudades do seu gosto e
Sou impelida a ter o que me falta.

No êxtase do meu querer te peço
Misture em meu corpo sua cor
E satisfaz a minha sede, pois
Quero-te com desejo e sem pudor.

VOLTE SEMPRE

Leve-me com vc - Presente da Majoli

Loading...